Os velhos e bons Tempos no Conjunto Residencial do IPASE em Jacarepaguá

1
3133

Jornal Vida Brasil Texas ipase_02 Os velhos e bons Tempos no Conjunto Residencial do IPASE em Jacarepaguá News

Personagens importantes do cenário do Samba e do futebol.

Durante mais de 20 anos, ocorreu um tradicional jogo de futebol que começou na década de 60 e foi até a década de 90, no Conjunto Residencial do IPASE, na Praça Sêca, em Jacarepaguá. Era um belo confronto, uma partida de futebol que reunia os moradores da Quadra 1 contra os moradores da Quadra 2 desse Conjunto residencial. O empresário Rodolfo Jordy e seu irmão, Luis Corrente organizavam o jogo. Essa partida era realizada sempre no dia 1 de janeiro de cada ano, e de muita rivalidade, pois nesse conjunto sempre existiu inúmeros jogadores de qualidade técnica apurada e muitos deles foram Profissionais em vários clubes brasileiros e até em Clubes no exterior, como foi o Caso do Jorginho, que jogou no Vasco da Gama e no Sporting de Lisboa de Portugal, teve também o Sergio Lima, que jogou no America do Rio, Internacional de Porto Alegre, Guarani de Campinas, Botafogo do Rio no Atlas, Jalisco, Morelia, Union de Curtidores do México, o excelente zagueiro Jorge Lima que foi destaque por v;arios anos no futebol Paulista defendendo o America de Rio Preto de S. Paulo, Celso, Louro e Anderson Zuruca zagueiros que jogaram no São Cristóvão, Celso atacante também do São Cristovão, Quinho Jogou no Santo André e Fortaleza, Jonas que foi goleiro do Bonsucesso e depois do Vasco da Gama, Marcelinho America do Rio, Alfredo Atacante jogou no São Cristóvão e depois foi para Venezuela, onde mora até hoje, entre outros. Essa partida de futebol sempre levava um grande público para o Campo do IPASE, tanto os moradores do conjunto, como vários moradores da região, subiam a rua do conjunto nessa data para assistir esse tradicional jogo de futebol.
Abaixo uma foto do time da Quadra 2, do ano de 1978.

De pé da direita pra esquerda Corrente, Rodolfo, Nélio, Louro, Govir, Bira e Quinzinho
Agachados da direita pra esquerda Duca, Pelé, Helinho, Silvio Maquiba, Ilmar, Firmo e o mascote Antonio.

Para compor o cenário desta localida, vejam os ilustre que passaram e moravam por lá.
Do MOLEJO só o Anderson quem vivia no IPASE na casa dos meninos dos Morenos. Teve também o Kiloucura, que tinha 2 componentes do IPASE. Gimar PQD e Betinho dos MORENOS .

Gerson Dupan e Bigode do KILOUCURA – esse conjunto acabou -O Anderson do MOLEJO e Dudu Nobre que passaram parte da sua infância no IPASE. O Gerson Dupan segue carreira solo e o Bigode parou.

Tem também as mulatas que dançaram na noite brasileira e internacional. No SCALA
Na Proxima edicão.

O Treinador de futebol Júlio Marinho não morou no IPASE, mas junto com Rodolfo, Luis Corrente e Tadeu ex jogador do Fluminense que jogou com Edinho organizavam também a outra pelada do final do ano, entre jogadores profissionais contra a seleção do IPASE.

1 COMENTÁRIO

  1. Velho e bons tempo. Essa história começou muito antes. Começou em 1959 com seu Guaraná. Nesta época ainda não existia a quadra 2. Temos que dar os nomes certos.Esqueceram de citar: Josias. Paizinho. Ivan. Raul. Oscar. Pe de anjo. Preto. Armênio. Odir. Renato, Ismar. Babuínos e muitos outros que fizeram a história deste conjunto que hoje é o que é ( ?)

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here