Poesia – Calar ou Gritar

0
368
Jornal Vida Brasil Texas Calar-Calar Poesia - Calar ou Gritar Arte & Cultura Destaques

Fonte foto – Wikipédia, a enciclopédia livre

Jornal Vida Brasil Texas Lurdes-Poeta-1 Poesia - Calar ou Gritar Arte & Cultura Destaques

Por Maria de Lourdes Fernandes
Fortaleza-Ceará

Calar!…
Será que consigo?
Porque calar, se a vontade que tenho é de gritar!
Para que o mundo saiba da minha existência.
*
Gritar, a este mundo contaminado pelas injustiças e a falta de fé.
Gritar, que falta amor, solidariedade, paz e caridade.
Gritar! Que tudo isto é a falta de Deus nos corações humanos.
*
Gritar, que está tudo errado!
Como calar?…
Se o meu grito está preso na garganta.
A sociedade me intimida.
*
Sou simplesmente “alguém” em busca de seus direitos.
O que fazer?
Calar ou gritar?
Gritar ou calar?
*
Se eu calar, vão me ignorar.
Se continuar a gritar, um dia vão me escutar e talvez me notar.
Vou continuar gritando, que a falta de uma inclusão verdadeira 
me faz sentir invisível para muitos.
*
Vou gritar até que um dia as autoridades possam me escutar e façam algo.
Não posso me calar.
Vou continuar a gritar.

Por respeito, igualdade, dignidade, e a liberdade que me é permitida.

****

Por Maria de Lourdes Fernandes
Fortaleza-Ceará

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here