Poesia – Ovo de Serpente

0
52

Jornal Vida Brasil Texas adinaldo-maravilha Poesia - Ovo de Serpente Arte & Cultura Destaques

Fonte foto – Wikipédia, a enciclopédia livre.

Jornal Vida Brasil Texas ADDDINALDO Poesia - Ovo de Serpente Arte & Cultura Destaques

Por Adinaldo Souza

***

 A natureza racista tem como peculiaridade

A insônia constante amante da sua vaidade

Que mantém sua eterna excitante existência

Içando o despudor da sua profunda indecência

Nesta natureza inexistente de compaixão

Há séculos não se curva a nenhuma indignação

Quão desumana sua impetuosa ambição

Sem mínima clemência da sua excrescência

Nascedouro do amargor da colonização

Tanto perdura tão maldita essência

Sabedora de toda complacência

Encruada no âmago das instituições

Que se regozijam do calado da inerte ação

E eternizam o descalabro da sutil radicalização

Ovo de serpente gênese do ocidente

Demasiadamente vil e inclemente

Infestou continentes d’antes sãos

Sob a fútil égide da civilização

Quão demora a ser alquebrado

Implodido e escorraçado

Em prol da humanização

***

Por Adinaldo Souza

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here